fariois 2

farois

Se tivermos em consideração as estatísticas de segurança rodoviária, verificamos que muitos acidentes ocorrem em virtude de mau funcionamento do sistema de iluminação principal e má regulação dos faróis.

De facto, um mau alinhamento dos faróis, poderá provocar o encadeamento do condutor do veículo que circula em sentido contrário se os faróis se encontrarem muito altos. Podem também não iluminar devidamente a estrada se estiverem muito baixos. Ambas as situações podem provocar acidentes que facilmente se poderiam evitar.

Estes problemas levaram à introdução da verificação do alinhamento nas inspecções periódicas, que levam ao averbamento de deficiências fáceis de evitar e à eventual reprovação do veículo.

Em qualquer manutenção periódica do veículo, ou quando da reparação por choque, a verificação do alinhamento dos faróis é de primordial importância para assegurar a segurança de todos os que circulam na estrada.